Quinta da Urze

Quinta da Urze

Quinta da Urze

Nas arribas da Ribeira de Aguiar, em frente dos penhascos onde, se situa uma antiga pedreira romana e ainda hoje faz ninho a águia real, situa-se esta quinta, sede da exploração agrícola que engloba propriedades próximas, com um total de 190 hectares, todas em solos xistosos com características semelhantes.

As vinhas encontram-se a uma altitude média de 320 m e a sua exposição a nascente abriga-as dos excessos climáticos da região, permitindo a produção de uvas que dão origem a vinhos aromáticos e elegantes. Na totalidade são cerca de 14 ha das castas Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz, Tinta Barroca, Tinta Amarela e ainda um pequeno campo de clones seleccionados das mais famosas castas internacionais.

Os olivais são de variedades Madural e Negrinha autóctones da região, quase todos centenários, perfazendo uma área de 107 ha.

Nas antigas casas da Quinta, de meados do Séc. XIX, encontra-se uma das antigas adegas da CARM, com os seus lagares em granito com cerca de 40.000 Kgs de capacidade de fermentação.

Os mostos eram conduzidos por gravidade, em canais rasgados na pedra, para os velhos tonéis onde era feita a aguardentação, em armazém baixo dos lagares. Estes lagares não são usados há já duas décadas, os difíceis acessos e isolamento tornaram a adega inoperacional a nível logístico.