Quinta do Côa

Quinta do Côa

Quinta do Côa

Esta quinta abrange as propriedades da CARM situadas entre Almendra e as margens do rio Côa; os terrenos, cerca de 80 ha, são xistosos, expostos a nascente e sul a uma altitude variável dos 130 aos 300 m.

A vinha ocupa 11 ha - 8 ha de vinha velha plantada na década de 60 e 3 ha de clones seleccionados de Touriga Nacional plantados em 1995; o olival 22 ha (das variedades Negrinha e Madural) e o amendoal 21 ha (Casanova e Verdeal).

A quinta situa-se num dos Ex-libris mundiais da Arte Rupestre, o vale do Côa - afluente do Douro. A descoberta deste núcleo evidenciou a existência na região de povoamentos criativos e fecundos no período Paleolítico, remontando os mais antigos até 25.000 anos antes da nossa era.

Os vinhos, azeites e amêndoas desta quinta, todos obtidos estritamente a partir de variedades autóctones da região, são herdeiros desse património artístico, conjugando o substracto histórico com a qualidade e exigência só possíveis graças á melhor tecnologia actual.